Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Ministério dos Livros

Um blog sobre livros e seus derivados

Leitura - "A Violoncelista" de Daniel Silva

20.07.22

Untitlgbed.png

Mais sobre o livro aqui

Não tenho nada muito original e diferente para escrever sobre “A Violoncelista” que ainda não tenha escrito nos outros 20 livros (literalmente) que li de Daniel Silva: é um excelente livro, uma história magistralmente arquitetada, um enredo pensado ao pormenor. Um livro de classe superior.

Ao fim de 20 livros Gabriel Allon tornou-se quase um elemento da família. Aquilo que sempre gostei bastante nele (grande mérito de Daniel Silva) é o facto de o ter tornado humano nas suas qualidades, mas acima de tudo nos seus defeitos e erros. Esta realidade está presente em todos os livros.

“A Violoncelista” é uma história onde a Rússia e o seu presidente voltam a estar em foco como os maus da fita. Há alguma coisa de ficção misturado com muito de realidade. Daniel Silva utiliza muita informação verdadeira e potencial como base para esta história e incorporou inclusive o ataque ao Capitólio e as eleições americanas que elegeram Joe Biden, colocando Gabriel Allon diretamente envolvido. No final Daniel Silva refere inclusive que reescreveu uma boa parte do manuscrito num curtíssimo espaço de tempo para incorporar o ataque ao Capitólio e alterando com isso o final previsto da história.

É ainda de registar que foi arrepiante ler algumas passagens do livro (divulgado em julho de 2021) sabendo o que aconteceu meses depois na Ucrânia. O livro não é premonitório sobre a invasão da Ucrânia, mas é em relação ao homem que está no leme da Rússia. Apesar de estarmos perante livros de ficção desde há muito que é possível encontrar muito da história real da Rússia e do seu presidente nos livros de Daniel Silva.

Ler um livro de Daniel Silva é entrar no nosso restaurante favorito e saber que independentemente do prato que possamos escolher vamos ter uma refeição espetacular. Nunca falha. É comer e chorar por mais. “A Violoncelista” é mais um prato delicioso”. Fica o convite para que o saboreiem!