Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Ministério dos Livros

Um blog sobre livros e seus derivados

Novidade - "Superinteligência - Caminhos, perigos, estratégias" de Nick Bostrom

09.10.19

0e.jpg

Mais sobre o livro aqui

Sinopse:

Se o cérebro artificial ultrapassar algum dia o cérebro humano em inteligência geral, o futuro da nossa espécie vai depender das acções da poderosa inteligência artificial (IA).

Neste livro, ambicioso e original, Nick Bostrom examina o que considera ser o problema essencial do nosso tempo: seremos capazes de manter sob controlo as investigações e os avanços da IA antes que seja demasiado tarde?

"Imormal" o novo livro de José Rodrigues dos Santos

09.10.19

0w.jpg

 

Já andava há vários dias à espreita porque sei que é sempre pelos inícios de outubro que sai a divulgação do novo livro de José Rodrigues dos Santos.

Este ano já seria de esperar que fosse uma nova aventura de Tomás Noronha, depois de quase ter morrido no espaço há dois anos no “Sinal de Vida”.               

O novo livro tem como título “Imortal”, sendo que o título tem incorporado o próprio tema.

Sou fã das histórias onde Tomás Noronha é o herói, já aqui o referi diversas vezes, por isso é já certo que a minha leitura do final do mês será “Imortal”.

O livro estará disponível a 24 de outubro.

Mais sobre o livro aqui.

Novidade - "José e os Seus Irmãos - II" de Thomas Mann

09.10.19

0u.jpg

Mais sobre o livro aqui

Sinopse:

Thomas Mann considerou esta monumental narrativa da história bíblica de José como a sua magnum opus.

Concebeu-a em quatro partes - As Histórias de Jaacob, O Jovem José, José no Egito e José, o Provedor - como uma narrativa unificada, um romance mitológico da queda de José na escravidão e da sua ascensão a senhor do Egito.

Baseado num profundo estudo da História, e utilizando detalhes pródigos e convincentes, Mann evoca o mundo mítico dos patriarcas e dos faraós, as antigas civilizações do Egito, da Mesopotâmia e da Palestina - com as suas divindades e rituais religiosos -, e a força universal do amor humano em toda a sua beleza, desespero, absurdo e dor.

O resultado é uma brilhante amálgama de ironia, humor, emoção, perceção psicológica e grandeza épica.