Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Ministério dos Livros

Um blog sobre livros e seus derivados

13
Jul18

Leituras do 1ª semestre

Chegados ao fim do 1º semestre do ano faço aqui um pequeno balanço das minhas parcas, mas boas, leituras até ao momento.

1º semestre 2018.png

No total foram 10 livros lidos, o que corresponde precisamente a 50% do meu objetivo definido para 2018, ou seja, 20 livros. O outro objetivo, não claramente assumido, mas presente nas minhas escolhas, também foi atingido: conseguir alternar entre ficção e não ficção.

A ideia principal a registar é que fiz boas escolhas. Não houve nenhuma desilusão, por assim dizer, e em particular do campo da ficção só livros de bom para cima. Nem que seja por isso, para já estou bastante satisfeito com o meu 1º semestre de 2018 em termos de leituras.

A destacar um no campo da ficção terá de ser “Lincold no Bardo” que, muito provavelmente, chegará ao final do ano também no topo dos meus favoritos. É um livro brilhante.

Do lado não ficção é mais difícil escolher. Todos os livros que li neste campo são efetivamente muito bons, sendo que, como são sobre temas muito diferentes

Espero conseguir selecionar os meus livros do 2º semestre com o mesmo acerto que fiz para o 1º semestre!

13
Jul18

Novidade - "Primeiro Pergunte Porquê" de Simon Sinek

1507-1.jpg

 

 Sinopse:

Poucas pessoas se lembram, mas a Creative Technology Ltd foi a empresa que lançou o primeiro mp3 do mercado. Para a história, porém, ficou o iPod, que a Apple só revelaria ao mundo quase dois anos mais tarde. Tirando o design e preço, os dois produtos equivaliam-se. Mas a filosofia dos seus criadores era radicalmente diferente. Enquanto a Creative vendia “apenas” um produto (um “leitor de mp3 com 5GB”), Steve Jobs vendia um sonho: “1000 canções no seu bolso”. Ou seja, a Creative falava das características técnicas do novo gadget enquanto a Apple disse-nos por que razão precisávamos dele. É esta a essência do extraordinário bestseller de Simon Sinek: mostrar até que ponto as pessoas, empresas e organizações tantas vezes se enganam ao pôr os “Quês” à frente dos “Porquês”. Se pensarmos bem, não é o que as empresas fazem que as diferencia, mas antyes a paixão que as move. Uma mota pode ser só um veículo de duas rodas; mas se for uma Harley Davidson, significa já a entrada num clube. Simon Sinek – autor da terceira TedTalk mais vista – usa uma figura retirada da matemática, "O Círculo Dourado", para demonstrar que as empresas e líderes de maior sucesso são aqueles que começam por questionar o porquê das suas ações. Só quando sabem o que os move, é que podem mover os outros. Só quando são movidos por uma paixão, é que podem inspirar.     

Um Leitor

foto do autor

Livros de 2018

2018 Reading Challenge

2018 Reading Challenge
Um Leitor has read 7 books toward their goal of 20 books.
hide

O Leitor está a ler

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.