Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Ministério dos Livros

Um blog sobre livros e seus derivados

01
Jun18

Livros e crianças, crianças e livros

childrens.jpg

Já aqui escrevi várias vezes sobre a minha relação com os livros desde muito tenra idade e também sobre o tento fazer com o meu pequeno em relação a esse tema.

A ideia de base é simples: ler é uma ação estruturante do ser humano, logo tem de começar exatamente quando os pequenos seres estão a começar a estruturar as suas personalidades.

Os livros devem ser para as crianças uma mistura de interesse, conhecimento, diversão, aprendizagem, e nós, enquanto adultos, temos a responsabilidade de lhes procurar dar condições para que isso aconteça.

Eu gosto de pensar que hoje consigo “ser mais alguma coisa” porque gosto e sempre gostei de ler. Gosto de acreditar que os livros me ajudam a ser melhor a todos os níveis, por isso, acreditando nessa premissa, a única coisa que procuro garantir é que passo para o meu rebento essa máxima.

Hoje, no Dia Mundial da Criança, compre um livro para uma criança, ofereça um livro a uma criança, ou simplesmente leia uma história a uma criança.

Uma criança que aprenda a gostar de livros terá mais condições para ser um melhor adulto. Eu pelo menos acredito nisso.

01
Jun18

Novidade - "Quem Meteu a Mão na Caixa" de Helena Garrido

1507-1.jpg

 

Sinopse:

Depois de uma investigação rigorosa ao mundo dos bancos portugueses, Helena Garrido regressa para, num livro sobre a Caixa Geral de Depósitos, mostrar como o banco público serviu para negócios e operações duvidosas – sempre a mando do poder e sempre a perder dinheiro que pertence aos contribuintes. Na recente história da Caixa há de tudo. Credora discreta de homens sem dinheiro que querem ser “donos” de grandes negócios e estar na mesa do poder. Investidora em projetos de “interesse nacional” duvidoso e que veio a revelar-se catastrófico. Acionista nos bastidores a dar palco aos defensores dos “centros de decisão nacional”. Canal de dinheiro para viabilizar “investimento direto estrangeiro”. Financiadora de especuladores bolsistas e imobiliários. Centro de empregos, influência e poder dos governos. Capturada por todo o tipo de interesses, fragilizada na sua estrutura técnica por sucessivos governos e administrações, viveu à beira do colapso. Está a renascer. Vai ser mais pequena, menos internacional, com menos capacidade de criar um mundo empresarial de “faz de conta” como no passado. Em 2016 o Departamento Central e Investigação Penal inicia uma investigação que vai determinar se a gestão da CGD teve ou não contornos criminais. Na mira do Ministério Público está o período que vai de 2005 a 2016, com anos sucessivos de prejuízos e perdas superiores a 4 mil milhões de euros. Numa investigação prodigiosa, Helena Garrido mostra como foi possível esse desmando e como os contribuintes vão pagar caro os erros dos gestores e políticos que meteram a mão na Caixa.

Um Leitor

foto do autor

Livros de 2018

2018 Reading Challenge

2018 Reading Challenge
Um Leitor has read 7 books toward their goal of 20 books.
hide

O Leitor está a ler

Calendário

Junho 2018

D S T Q Q S S
12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Links úteis

Livros no "Público" Livros no "Observador"https://www.publico.pt/livros